quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Calendário próximos cursos

dias 11, 12 e 13 de outubro: Vivência de Permacultura e Agroecologia

Dias 02,03, 04 e 05 de Novembro: de novembro: Curso de Bioconstrução

terça-feira, 22 de agosto de 2017

PRÓXIMO CURSO PRÁTICO:

Você Já andou de Stand Up? Bom... Talvez tenha para tirar um selfie?! Viu um Marreco? Provavelmente viu, nem que viu pela internet...Ok.......
Você já produziu  algo com  Filho(s)<>pai(s)?
Construiu algo com suas próprias mãos?
Plantou e colheu seu próprio Alimento?





Vem Aí Uma Vivência Inspiradora, para todas as idades no feriado de dias das Crianças na Morada Ekoa.


Uma experiência única para conectar
 PASSEIO DE STAND UP <>MARRECOS, PESSOAS<>NATUREZA, TRABALHO<>FAMÍLIA, TECNOLOGIA<>;SABERES ANCESTRAIS  e MUITO,MUITO+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Atividades Práticas que iremos desenvolver:
Agroecologia (Sintrópia)
Construções Naturais
Permacultura
Manejo ecológico da Água 

Facilitadores:
Cris Arejano: Educador Ambiental, Permacultor e Bioconstrutor.
Felipe Hoffmann: Educador Ambiental, Permacultor e Bioconstrutor, Eng. Mestre em Construções Sustentáveis.
Dheodoro Erms: Naturalista, Educador Ambiental e Agrônomo por experiência Própria

E Equipe Morada Ekoa

O que inclui:

Alimentação com produtos Agroecológicos,
Aconchegantes hospedagem em Construções Naturais
E Muita diversão e conhecimento

Investimento:
Profissionais: 350 reais Estudantes: 270 Reais

Inscrições: whats 48 996572028 email: bralip83@hotmail.com

*EXTRAS: Praia da Barra de Ibiraquera, Lagoa Doce, Surf, Pedalada, Fogueira
**Opção de ficar até dia 14: adicional de 50 reais
Data: de 11 a 13 de outubro de 2017

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Curso Prático de Bioconstrução e Estruturas em Bambu, 7, 8 e 9 de setembro.

Tá chegando nosso próximo curso!!

Um curso prático sobre Bioconstrução, com ênfase em estruturas em Bambu. Onde vamos trabalhar as espécies de bambu mais  adequadas para cada tipo de serviço, seu manejo, tratamentos naturais, encaixes e estruturas. Ferramentas mais adequadas para trabalho com Bambu. Neste curso vamos estar dando continuidade  a uma estrutura com dimensões de 3x4m que pode ser montada  para servir como diversos fins, tais como  uma lojinha, um viveiro, um almoxarifado, ou mini casa entre outras inúmeras possibilidades. 
Imagem: Construção de um deck em Bambu, MoradaEkoa

Imagem disponível em https://br.pinterest.com/pin/215117319680374120/

Tratamento do Bambu, preparativos para o curso que está chegando!!

Programação:




Dia 1
(07/09)
Dia 2
(08/09)
Dia 3
(09/09)



08h00
Café da manhã
Café da manhã
Café da manhã






9h00





Guiagem & Identificação das Espécies de Bambu



Prática:
Bancada em Hiperadobe



Estruturação de Telhados













Almoço
Almoço
Almoço


12h00 - 14h00








14h00

Prática:
Corte e Amarrações


Prática:
Fabricação de Pequenas Estruturas & Objetos


Prática:
Tratamento de Bambu










Janta
Janta
Janta


18h30 - 20h30







20h30
ÁudioVisual:
BioConstrução
Fogueira Bambústica









Horário Semanal


Facilitadores
Cris Arejano Permacultor e Bioconstrutor.
Felipe Hoffmann, Permacultor e Bioconstrutor, Eng. Mestre em Construções Sustentáveis.
E Equipe Morada Ekoa

O que inclui: Hospedagem em quarto coletivo, alimentação e certificado.
início dia 07 as 8:30 e término dia 09 as 18:00
Contribuição de 300 reais por pessoa

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Saneamento descentralizado, tecnologias Alternativ@s

Aos poucos vem se deixando o Egocentrismo de lado e ao invés dos profissionais da área, ficarem criando novos nomes e “Neotecnologias” para sistemas de Saneamento Alternativ@s, tentando se auto promoverem, finalmente está se chegando o consenso de Adotarmos o termo: Saneamento Descentralizado. O que é um grande avanço para nossa Sociedade, inclusive diversas Companhias de Saneamento Nacionais,  vem adotando esse termo. Gostaria de compartilhar um pouco da minha experiência nesse tema.

Desde o princípio quando estava na Graduação em Eng. Ambiental, era questionada por outras pessoas da área sobre a atuação dos Eng. Ambientais. Afinal o que faz um Engenheiro Ambiental?  Pois bem, sempre explicava para as pessoas que E.A lida com os problemas ambientais, como resíduos de lixo doméstico, resíduos sólidos Industriais, efluentes domésticos, recuperação de áreas degradadas, revitalização de recursos hídricos, entre outras tantas atividades importantes que convertem problemas da nossa Sociedade em Soluções contemporâneas.

 Uma vez ao ser questionado por uma conhecida e esposa de um Médico sobre a atuação do Engenheiro Ambiental e ao explicar para ela a mesma rotineira explicação que dava para tantas outras pessoas, surpreendi-me com a resposta desta Senhora.
 Ela falou: Que nooooojo!!! você vai trabalhar com o lixo, os dejetos das pessoas....?!
Sim..... respondi para ela convicto, sem titubear.
Mal sabia ela que com saneamento adequado o Brasil teria menos de 1/4  das enfermidades dos pacientes que temos hoje nos leitos Hospitalares. Sem  considerar  indiretamente outras doenças respiratórias, causadas por poluentes e contaminantes ambientais, excesso de fumaça, insalubridade nas residências, no ambiente de trabalho e nos alimentos que comemos.

A resposta da senhora reflete muito bem a falta de valorização da nossa Sociedade pelos Eng. Ambientais, e para piorar este cenário fazemos parte de um Conselho que não nos representa. Assim como Garis, Educadores Ambientais, técnicos em Meio Ambiente, Oceanógrafos, Gestores Ambientais, Ecológos, Biólogos e outros tantos outros profissionais  que não são valorizados. As ofertas de trabalho muitas vezes não passam de trabalho voluntariado....Isso mesmo! Estudar, ter uma vida dedicada e trabalhar para não ganhar nada $$, ou quando ganhamos algum recurso somos muitas vezes forçados a licenciarmos empreendimentos em áreas que muitas vezes estão em áreas inadequadas e sem que ocorra uma compensação digna pelos impactos negativos causadas pelo empreendimento, somos forçados a trabalhar como ”Despachantes Ambientais”.



Como temos que ser otimistas depois de relatar um pouco das adversidades de profissionais da Área Ambiental, gostaria de expor um Relato Positivo, do fascínio de trabalhar com a Natureza, apesar de tantos os desafios e responsabilidades.


Não vamos lutar contra um mundo que não queremos.
Sejamos a mudança no mundo que queremos. Por Bill Mollison, Criador da Permacultura.


Ano passado tive o prazer de Participar do Premio Embraco de Ecologia em Joinvile SC, como Consultor para Implementar um sistema de Saneamento descentralizado, do tipo Bacia de Evapotranspiração, em uma E.M. Alfredo Germano Henrique Hardt.
Fizemos este sistema de cerca de 70 m3, projetado e com a participação de todas as crianças da Escola, cerca de 200 crianças de 3 a 12 anos, todas elas participaram em alguma maneira do processo construtivo, liderados pela prestativa Diretora Carol Brunken e do Amigo e Consultor Ambiental Juliano Riciardi.

Como Material Impermeabilizante foi utilizado uma Geomembrana de 0,7mm de espessura. Para a escavação utilizamos uma retroescavadeira que trabalhou por cerca de 3 horas.

Início do trabalho

Neste processo utilizamos como filtro microbiológico, materiais inertes que eram resíduos da escola, restos de telha, cerâmica, ferros de cadeira quebrada, em fim, todo material que não se decompõe facilmente e que tinha como função ampliar a área de absorção das bactérias para decompor a matéria orgânica. Utilizando estes resíduos da escola reduzimos os gastos com materiais em algumas centenas de Reais, bem como limpamos toda a fachada da escola, liberando espaço antes ocioso.





 Reutilização de materiais que antes eram resíduos da Escola

 Além dos alunos, a comunidade escolar também participou de um mutirão de Implementação do saneamento, pais, professores e visitantes puderam aprender a Implementar o Sistema e replicar em suas comunidades e residências. Um belo exemplo de empoderamento, de ações políticas locais e, de trabalho coletivo.

Participação da criançada momento de conhecimento e diversão



Além da prática os professores adotaram o sistema de saneamento em suas disciplinas e desenvolveram com os alunos diversas maquetes para o Sistema.
Foi criada inclusive uma passarela para estudantes com dificuldade de locomoção pudessem ficar mais próximo do sistema de Saneamento


E para o Grand Finale foi feito pelas crianças,  o plantio no sistema de: Bananas, Mamão, Maracujá,Taiobas e outras plantas para o paisagismo funcional, todas estas plantas absorvem a água, fazendo a evapotranspiração, consumindo a água do sistema e liberando a água para a atmosfera.
99,9 % de qualquer sistema de saneamento é água, somente 0,1% é resíduo sólido, que possivelmente poderia transmitir algum tipo de doença, este mesmo, fica retido na camada inferior do sistema, e. Assim sendo não existe risco algum de contaminação no Sistema, ele tem maior eficiência na remoção de contaminantes se comparado a qualquer sistema de saneamento Convencional.

 Os frutos produzidos pelo sistema podem ser consumidos sem riscos de contaminação pela escola.


Plantio de  mudas  dentro do sistema de saneamento bacias de evapotranspiração

Um sistema de saneamento sustentável não trata somente dos resíduos, ele tem a capacidade de cativar toda uma comunidade gerando diversos benefícios, produzindo alimento, beleza, segurança, e conhecimento... 

Esse é um pequeno relato de um dos muitos bons momentos que tive nos 9 anos que se passaram depois que me formei. E minha forma de demonstrar para aquela Madame Esposa do Médico o que é Realmente ser Engenheiro Ambiental...


 Somente com bons exemplos que profissionais da área ambiental vão ser reconhecidos no nosso País. Espero que este texto encoraje mais profissionais a serem atuantes e inovadores. Que num futuro próximo tenhamos um Conselho que represente os Médicos do Planeta, digo.....os Engenheiros Ambientais, e outros tantos profissionais que acreditam que é possível Preservar nosso Planeta, gerar renda, conhecimento e Cativar Pessoas para um Planeta Abundante de Ações Ambientais. 

Recomendações leitura complementar:


*  Educação do Saneamento disponível em: moradaekoa.blogspot.com/2016/10/a-educacao-do-saneamento.html

** Vivência recomendada: Participação do Curso de Permacultura PDC na Morada EKOA dias 22 a 29 de julho


*** Se você tem interesse em Implementar sistemas de Saneamento Descentralizado e outras alternativas de Permacultura e Sustentabilidade entre em contato conosco: bralip83@hotmail.com

quarta-feira, 3 de maio de 2017

PDC MoradaEKOA 2017.


Saiba um pouco mais sobre o que é o PDC.
PDC do inglês Permaculture Design Course, ou seja, Curso de Design em Permacultura. Este curso certifica permacultores seguindo um padrão internacional do método de aprendizagem e prática, habilitando-os a desenvolver projetos de design permacultural. 
O curso completo será desenvolvido durante 8 dias de imersão e vivência intensa, com 72 horas de atividades voltadas ao dialogo, aprendizado, experimentação, e muitas mãos na terra...

o PDC da MoradaEKOA...
Nosso curso será voltado para pequenos grupos afim de haver maior interação entre os envolvidos e melhor acolhimento pelos facilitadores.
Priorizamos o aprendizado através da prática e reflexão. O conteúdo será exposto por teorização, reflexão crítica, oficinas pedagógicas, auxílio de mídias...



A Nossa Morada...


... é uma Estação experimental de Permacultura e Hospedaria Familiar, localizada na Barra de Ibiraquera, município de Imbituba, Santa Catarina, a 80 km ao Sul de Florianópolis e 350 km ao norte de Porto Alegre.
A Morada Ekoa é uma estação experimental de permacultura no Sul do Brasil, pois é a residência ecológica da família de Permacultores Felipe Hoffmann e Carol Bona e o filho Mateus. Eles mesmos idealizaram e construíram a estação com a finalidade de ser sua moradia e um modelo de Estação Experimental em Permacultura aliada a Hospedaria Familiar..
Neste tempo, a estrutura da EKOA vem crescendo com bastante entusiasmo, graças a ajuda de amigos, voluntários que nela passam e as ações práticas oriundas dos cursos ministrados no espaço..
Ela esta localizada numa região incrivelmente rica em biodiversidade, cercada por Praias, Lagoas, Dunas, Banhados. A localidade é ainda semi- rural e tem a peculiaridade de ser no litoral, próximo a praia.
Para facilitar a visualização do espaço da EKOA você pode acessar o link MoradaEKOA ou facebook.com/MoradaEkoa.
Para este PDC a EKOA estará bem movimentada, sendo a maioria das atividades desenvolvidas nela mesma. Ainda contaremos com outras áreas adjacentes para estudo de casos, observação e estudo da paisagem local, oficinas práticas, área de camping e voluntariado.
Conheça nosso grupo de Facilitadores
Felipe Hoffmann
Carol Bona
Fabio Benittez
Karla Montari
Amanda Oliveira
Izar Duarte
O que você deve trazer para o curso:
- alegria, disposição, força, amizade, paz, e tudo de bom
- se tiveres alguma ferramenta em especial que gostaria de compartilhar com o grupo, traga.
- chapéu, bonés, etc
- protetor solar
- roupas de cama e toalha
- maquina fotográfica
- pen drive para trocarmos materiais
- capa de chuva – podemos ter atividades na chuva !
- roupas para sujar
- sapato para sujar
- roupa para banho de mar
- sementes diversas
- instrumentos musicais, hehehe só alegria nas noites de fogueira
- seus materiais e vídeos preferidos para compartilhar entre todos
Pranchas de surf, skates e Bikes.
Dicas de como chegar
Gente neste link: Contato e Localização MoradaEKOA vocês encontram muitas dicas de como chegar até a EKOA.
Ainda assim se tiverem mais alguma pergunta, sugestão ou dúvida, por favor nos comunique por e-mail bralip83@hotmail.com
 ou telefone (48) 9 9657 2028 TIM e WhatsApp, estamos a disposição
Ah e uma boa viagem até aqui, aproveitem apreciando as paisagens litorâneas de Santa Catarina.
Caronas
Alguém vem de carro ? Quem sabe está interessado(a) em compartilhar caronas e dividir despesas ? Entre em contato 





quinta-feira, 23 de março de 2017

Próximos Cursos Morada Ekoa 21 a 23 de abril e 29 de abril a 1° de maio

Vem aí nossa nova temporada de cursos, Imperdível.




Princípios da sustentabilidade, 21 a 23 de abril :




Vamos estar desenvolvendo atividades práticas e teóricas introdutórias aos seguintes temas.

  • Permacultura:
Princípios da Permacultura e Design Ecológico de Projetos
Atividade Prática: Construção de uma Plataforma flutuante, Cerca Viva

  • Bioconstrução: Tipos de construções naturais,testes preliminares e rebocos naturais.
Atividade Prática:  Preparo de reboco fino e tintas naturais
  • Agricultura Sintrópica
Conceitos de sistemas Agroflorestais: Plantas Chaves, Sucessão Ecológica.
  • Atividade Prática: implantação e manejo de um Sistema Florestal

 Trabalhador Ecológico:  29 de abril a 1° de maio



Para celebrar o dia do trabalho vamos ter muito  trabalho...... Mas  com a Natureza......e com Muita Diversão, Aprendizado e troca de Saberes.

 Vamos discutir um pouco mais sobre estratégias e ações para se trabalhar de maneira mais harmoniosa e próxima da Natureza, independente da nossa formação profissional, todos podemos adotar em nosso cotidiano uma vida mais justa, criativa e divertida. Trabalhando com o que agente tem prazer,produzindo, gerando alimentos, qualidade de vida e recursos financeiros. 
Embora estejamos passando por momentos de crise econômica, existem uma abundância de oportunidades de geração de renda. Nosso Planeta está precisando com urgência que a humanidade mude a forma de trabalho, que essa relação seja de menor exploração e sim de *Sintropia, que o esforço dos nossos trabalhos traga algo positivo para nosso planeta e que semeiem exemplos,encorajando  outras pessoas a encontrarem esses caminhos.

  
Vamos estar trabalhando os seguintes temas:
  • Serviços ecológicos de Consultoria Ambiental.
  • Trabalho Voluntariado.
  • Produção de documentários.
  • Atividade Prática: Implantação de um telhado vivo.















Projeto Telhado Vivo Cris Arejano



*“Não explorando recursos, mas potencializando eles. É sintrópico.” por: Ernst Gotsch
 **Em breve vamos estar divulgando maiores detalhes bem como a programação oficial, dos 2 eventos.

FACILITADORES
Felipe Hoffmann – Eng. Ambiental, Permacultor, Mestre em Construções Sustentáveis, coordenador da EKOA hospedagem familiar em Imbituba.

Carolina De Bona - Bióloga e Permacultora 

 Cristiano Arejano da Silva. , Permacultor e Bioconstrutor                        

 Trabalha , na região em parceria , com as instituições , com arquitetos e engenheiros em trabalhos com tecnologias funcionais telhados vivos e construções com terra crua.


Os cursos incluem Hospedagem e alimentação ovolactovegetariana.


Valores:
Participação de 1 evento:
Estudantes: 250 reais Profissionais:320 Reais
Ekoa Brothers (participantes de outro cursos da Ekoa): 200 reais.

Participação dos 2 eventos:
Estudantes : 450 reais
Profissionais: 600 Reais
Ekoa Brothers: 400 reais.

Extras: Roda de música e Fogueira...
... e por fim, diversão na água através da prática de Stand up Paddle, Surf e Windsurf, banhos na Lagoa Doce, passeios nas dunas, e muitas aventuras.
Trilha da Praia do Luz ao Rosa.